27 de mar de 2011

Vento...

Vento...
O vento, que acompanha
a tempestade,
é o mesmo vento,
que refresca a noite
quente de verão,
O vento, que varre
as folhas no outono,
é o mesmo vento,
que espalha sementes
de flores e frutos,
O vento, que no inverno
açoita os ramos das arvores,
é o mesmo vento,
que me traz aroma de primavera,
O vento, que varre sonhos
e leva embora amores,
é o mesmo vento,
que me traz o som
de suave melodia,
inspirando-me
a escrever poesia.
Terê Carvalho.